Tão perto e tão longe: os namoros à distância impostos pela quarentena.

Atualizado: Jul 24


Muitos casais de namorados têm vivido uma nova dinâmica durante a quarentena, ainda que vivam na mesma cidade. Alguns diminuíram a quantidade de encontros, outros aceitaram o namoro a distância como realidade temporária. Essas condições criam um novo cenário, no qual mensagens por texto, áudio e chamadas de vídeo tornaram-se cotidianas.

Em geral, a comunicação, já inclui em sua definição a possibilidade de diferentes interpretações para uma mesma frase ou ato e, quando temos que nos comunicar por meio da tecnologia, as possibilidades de mal entendidos se multiplicam ainda mais. Sabemos das gafes cometidas pelo corretor automático e do quanto uma falha na rede pode deixar o outro falando sozinho por alguns segundos (ou minutos).

Contudo, somado aos desafios de se comunicar por meio da tecnologia, muitos namorados têm um desafio ainda maior: Como lidar com a própria insegurança durante esse momento de isolamento social?

A insegurança é uma companhia traiçoeira, pois é responsável por aquela vozinha no fundo do coração que não cansa de fazer perguntas: Por que será que ela está demorando tanto para responder? Por que ele visualizou a mensagem e não respondeu? Será mesmo que isso que ela está fazendo é tão importante que ela não consegue dar uma olhadinha no celular? Esse “bom dia” foi tão seco, sem ponto de exclamação ou emotion, será que ele tá bravo comigo? 

Para muitos, as perguntas são infinitas e incessantes, deixando as pessoas irritadas, tristes e sem paciência. Quando a insegurança é muito grande, procura-se permanentemente por sinais que reafirmem o interesse do parceiro e demanda-se constantemente provas e palavras de amor.

Um bom exercício para se fazer neste momento é optar por meios de comunicação que aumentem a sensação de presença. Por exemplo:

  • Marcar um horário para fazer chamada de vídeo ao invés de só se comunicar via texto;

  • Na impossibilidade de realização de chamada de vídeo, optar pela ligação, pois ouvir a voz da pessoa e poder se comunicar de forma direta também nos ajuda a ter a sensação de presença;

É importante conseguir identificar e separar o que são medos seus e o que são questões que realmente envolvem o seu relacionamento.  Um bom exercício é tentar identificar os pensamentos que tem te trazido a sensação de insegurança, anote em um papel, caso ache necessário, e reflita: quais são as evidências de que estes pensamentos são de fatos reais? O que me mostra que posso estar completamente enganado a respeito deste pensamento? O quanto este pensamento tem me trazido sofrimento e constrangimentos para o meu relacionamento?

Este exercício simples que ajuda a compreender melhor o que se sente, além de evitar que atitudes sejam tomadas de forma impulsiva ou que resultem em brigas ou discussões desnecessárias, o que aumentaria o distanciamento entre os casais.  

Às vezes, temos atitudes inseguras por conta de outros eventos que aconteceram conosco no passado, podendo até mesmo serem frutos de traumas. Por isso, viver um relacionamento atual carregando questões não resolvidas consigo mesmo pode ser muito exaustivo. Além de não contribuir para a leveza e tranquilidade da relação amorosa, transformando-a em exigências e ressentimentos.

Nesta semana comemora-se o dia dos namorados.  É uma boa época para repensar como tem sido sua relação consigo mesmo e com seu parceiro, além de praticar novos caminhos para melhorar sua relação e desfrutar de um relacionamento que traga mais satisfação e felicidade para vocês.



Texto por psicóloga Fernanda Silveira de Souza

Cofundadora do Instituto Construindo Saúde

1 visualização

Acesse nossas redes sociais:

  • YouTube
  • Facebook Social Icon
  • Instagram ícone social
  • LinkedIn Instituto Construindo Saúde
ENDEREÇO

R. Pereira Estéfano 114, sala 1102

Saúde - São Paulo, SP - Próximo ao Metrô Saúde

iconstruindosaude@gmail.com

Tel: 011 98554-8878 - Psicóloga Fernanda         ou 011 98636-0988 - Psicóloga Hellen

%C3%83%C2%ADcone_do_whatsapp_edited.png
%C3%83%C2%ADcone_do_whatsapp_edited.png